Quem sou eu

Priscila Casemiro

Engenheira de Alimentos por formação (UNESP) e confeiteira de coração! Trabalhei como responsável técnica em uma fábrica de massas e aprendi duas grandes coisas: engenheiro é profissional "faz tudo" e você precisa gostar de estar dentro de uma produção. Também tive a felicidade de fazer um estágio na Itália em uma empresa de aromas, o que me fez perceber que a "minha praia" era desenvolver e criar. Trabalhei também como docente do curso técnico de Nutrição e Dietética do Senac ministrando as disciplinas "Estudo Experimental dos Alimentos" e "Tecnologia dos Alimentos". Tenho na lembrança os docinhos e as festas que minha mãe elaborava quando éramos crianças. Minha mãe é aquela pessoa rápida e criativa na cozinha e ela é um exemplo pra mim. Fui percebendo meu amor pela confeitaria a medida que elaborávamos alguns doces para festas de amigos. Mas, eu queria aliar a minha formação com esse universo tão rico e artesanal da confeitaria. Por isso, misturando a tecnologia de alimentos com a gastronomia e com a confeitaria artística, encontrei os macarons. E eles são um desafio! Sou, acima de tudo, muito investigativa e amo pesquisar sobre o assunto e visitar sites de food stylist. Acreditando que todos os dias temos oportunidades de aprender. As oportunidades estão dentro do coração e nós as fazemos. Dificuldades existem e elas fazem parte do nosso crescimento e do nosso fortalecimento. O mais incrível é como saímos delas, pois "Deus com o Seu grandioso poder age em favor de nós que acreditamos conforme a Sua força poderosa e eficaz" (Efésios 1:19)

Em Agosto de 2012 estive em Paris para aprimorar as técnicas dos macarons. Para quem trabalha com confeitaria, fazer cursos em Paris é como beber na fonte que jorra a alta confeitaria. É como se um sonho se tornasse realidade. Os franceses possuem excelência pela qualidade em tudo o que fazem, tanto na elaboração bem como pela beleza na apresentação dos pratos e das sobremesas. Para tanto, escolhi duas das melhores escolas para trazer novidades e agregar mais valor ao meu trabalho: Le Cordon Bleu e Ecole de Cuisine Alain Ducasse. A primeira, uma escola super tradicional com mais de 100 anos e que é considerada umas melhores escolas de culinária do mundo. Já a segunda, Ecole de Cuisine Alain Ducasse, sob o comando do Chef homônimo considerado um dos melhores do mundo e único quatorze estrelas, é uma escola contemporânea que permite com que os alunos tenham acesso às experiências do famoso chef. Em ambas escolas, pude ter contato com novos ingredientes, técnicas e idéias, as quais utilizei para aumentar minha coleção de macarons e adicionar mais sabores e cores.

École de Cuisine Alain Ducasse

Macarons glacés Anis/Framboise